Passear Publicidade

Upon Lisbon Prime Residences: fomos e voltávamos já já

Publicidade: esta publicação relata a experiência feita a convite do Upon Lisbon.

Há quinze dias aceitei o convite da Upon Lisbon e fomos passar o fim-de-semana a Lisboa. Foi maravilhoso. Não fiquei nada arrependida de ter aceite a minha primeira proposta comercial porque acho que me mantive fiel a mim mesma e é com honestidade que vos falo bem da experiência: fomos mesmo bem recebidos e passámos uns excelentes dias.


O quarto — que na verdade é um apartamento — é enorme e traz todas as comodidades de que uma família numerosa necessita. Tinha dois quartos: um com casa de banho privativa onde ficaram os adultos e outro que albergou a criançada (o mais velho à lorde na enorme cama de casal e os gémeos nas camas de viagem que o hotel disponibilizou). A sala era muito espaçosa e tinha uma cozinha bem equipada: um frigorífico enorme (maior que o que tenho em casa), forno, micro-ondas, máquina de lavar a loiça e máquina de lavar a roupa — permite fazer refeições no apartamento e assim poupar uns trocos e também possibilita lavar roupa o que é uma segurança com crianças que parecem fazer questão de se sujar dois segundos depois de as vestirmos.

O nosso quarto era especialmente fixe porque tinha uma varanda enorme. Eu acho que como avisei que não somos adeptos do Benfica — expliquei que, pelo contrário, o nosso sangue é azul e branco—, o hotel sabia que não fazíamos questão de ter vista para o Estádio da Luz e fez a amabilidade de nos colocar neste quarto sem vista, mas com uma varanda que me fez sonhar com este tipo de espaço em casa. Um luxo.

Fizemos as refeições todas no hotel. O restaurante Dona Joaquina é, à semelhança do hotel, um espaço que não é acriançado mas sabe receber crianças: não faltam cadeiras de refeição para crianças, menu infantil e paciência e simpatia com os miúdos. Acreditem que conheço alguns espaços (sou uma romântica no que toca a saídas em família e continuo a tentar) e sei que o normal é receberem-nos com uma simpatia obrigada de sorriso amarelo que diz «vocês fazem muito barulho e ocupam muito espaço para o dinheiro que deixam cá». Ali não senti isso uma única vez. Pedimos desculpa pelo chão que ficou cheio de arroz, pelos talheres que iam caindo, enfim, pelas crianças e a sua habitual desordem e fomos sempre brindados com um sorriso e uma piada. A cereja no topo do bolo é que a comida é mesmo boa. Ao jantar comemos sempre pratos mais robustos e estavam ótimos, ao almoço atacámos nuns hambúrgueres e numas omeletes e mesmo comendo cá fora com vista para o estádio da Luz caiu-nos tudo muito bem.

O hotel tem uma sala de brinquedos para os miúdos se entreterem e claro a piscina no rooftop é mágica. A vista é linda, tinha visto fotos de outras pessoas lá no pôr-de-sol e descontei os filtros e photoshop, mas apercebi-me que não é exagero de insta. O pôr-de-sol vale a pena ali de cima e não tem nada de falso, é mesmo bonito. A piscina é aquecida e quando faz mais frio o hotel fecha a cobertura para ficar agradável o que permite usufruir deste espaço em qualquer altura do ano.

Ainda a convite do hotel visitámos o Zoo de Lisboa e o Pilar 7 da Ponte 25 de Abril (ao qual fomos naqueles autocarros turísticos da Cityrama Gray Line) — os bilhetes para estas atividades podem ser adquiridos na receção do hotel o que é bastante prático. No caso do Zoo é notório que se poupa bastante tempo porque não é preciso trocar o voucher, apresenta-se logo à entrada e há uma fila diferente para quem já tem bilhete.

Aconselho mesmo, é um fim-de-semana bem passado e para nós que não vivemos em Lisboa faz todo o sentido passar lá uns dias e aproveitar todas aquelas coisas que não temos cá. Se vos tentei com o meu relato deixo-vos o meu código para 20% desconto que pode ser usado desde já e é válido para estadias de novembro a março:  TRESANTESDOS3020

Obrigada à Upon Lisbon pela estadia e parabéns pelo espaço ótimo que têm e pela simpatia da equipa. Não mudem.


É publicidade, mas é honesta, prometo.

I won’t let you down.

No Comments Found

Leave a Reply